Entrada

Oque significa se envolver?

Segundo o dicionário Michaelis “Entremeter-se, incluir-se, comprometer-se”.

Os cristãos tem sempre o desejo de estar comprometido com alga coisa, há aqueles que desejam estar envolvidos com obras sociais, outros com seus ministérios, mas uma coisa é clara e genuína, de uma forma ou outra todo cristão genuíno tem o desejo de se envolver com o campo missionário, ou com o desejo de ir , ou mesmo de participar de alguma forma. Eu encontrei cristãos que eram de igrejas que NUNCA falavam de missões com o desejo genuíno de participar ativamente do campo missionário. Creio firmemente que este desejo genuíno é produzido pelo amor do perdão do salvador Jesus e pelo Espirito Santo.

Eu certa vez ouvi que o Brasil é celeiro de missionários e creio nisso plenamente, pois além do Brasileiro ser bem recebido em todo mundo pela sua característica aberta e comunicativa, Deus tem movido a igreja brasileira nesse sentido, ainda que não plenamente até o presente momento.

Mas missões têm caminhado por dois caminhos no Brasil.

No primeiro caso, creio que o inimigo de nossas almas tem colocado na cabeça de pastores de criarem o cargo de missionário, para classificar o obreiro antes de ser consagrado a diácono. (oque na Bíblia não tem nada neste sentido), ou mesmo colocando a esposa do pastor como missionária. Isso tenho visto que muitos que foram consagrados a este cargo confundem o trabalho evangelístico como o trabalho missionário, exigindo, alguns, as mesmas vantagens dos que dedicam sua vida a trabalhar com grupos de excluídos da sociedade ( na minha opinião, missionário é aquele que se dedica a trabalhar localmente ou em outros países, para atuar exclusivamente a grupos excluídos da sociedade ou que ainda não se tiveram o conhecimento pleno da palavra Bíblica).

No segundo caso é o amadurecimento de missões no Brasil.

Antigamente a igreja para poder trabalhar com os chamados para o campo missionário deixavam tudo a cargo das agências missionárias, passando para ela o sustento para administrar e enviar ao missionário no campo que atua. No seu acordo, as agências pediam somente 10% do valor do sustento do mesmo para trabalhar com sua administração. O problema que estas agencias começaram a retirar mais do que devia, enviando para o missionário somente oque eles acreditavam que o missionário precisava. Com isso as grandes igrejas começaram a administrar elas mesmas seus missionários e seus sustentos. O problema disso é que somente iam para o campo pessoas que elas acreditavam que tinham o chamado e mesmo algumas vezes determinando quem tinha e quem não tinha chamado missionário, limitando a muitos. (Algumas classificam o missionário somente aquele que tenha experiência pastoral e anos de administração eclesiástica). Nesta posição também, as pequenas igrejas que tinham o desejo genuíno de participar na obra missionária eram impedidas de participar destas grandes denominações.

Por outro lado também, os missionários acreditavam e se sentiam como funcionários destas denominações fazendo somente oque elas mesmas decidiam fazer no campo, deixando de lado o seu chamado e compromisso na edificação da obra, envolvendo sua profissão com a obra de Deus. Nesta época acreditava que somente iam para o campo bons pregadores da palavra de Deus e aqueles que tinham capacidade de formar e crescer novas igrejas, independente do envolvimento social. Hoje em dia a profissão é um ponto importante pois através da experiência do mesmo pode-se quebrar gelo e barreiras, como o caso do esporte no mundo islâmico. Estes missionários deixaram de crer como Paulo que precisavam fazer chegar a tempo e fora de tempo além de todas as formas a palavra de salvação. Hoje em dia, muitas profissões abrem as portas para o crescimento da palavra de Deus, como no caso de radio e tv. Além do mais pode ser um apoio no sustento de seus ministérios.

Hoje, muitas agências missionarias estão mandando “seus funcionários” embora do campo missionário por não conseguir manter-se e manter os missionários e seus compromissos. Muitos creem que isso é uma desgraça causada pela situação financeira do país, mas eu vejo como amadurecimento da obra missionária.

Estamos chegando numa época que vamos realmente viver a chamada missionária como o Apostolo Paulo viveu, em muitos casos sendo sustentado pelo seu próprio suor, ajudando com este sustento outros missionários e também pelo apoio de diversas igrejas e irmãos que sentem o desejo genuíno de se envolver na chamada missionária.

DEUS NUNCA VAI PARAR DE CHAMAR PESSOAS PARA O CAMPO, então como fazer?  Envolver as igrejas genuinamente cristãs e irmãos que tem no seu coração o ardor missionário a enviar diretamente para seu missionário a oferta.

Existem como se fala a muito tempo três tipos de chamada,

  1. Aqueles que recebem o chamado, largam tudo para servir integralmente o campo e atender a sua chamada.

  2.  Aqueles que não podem ir, mas tem o desejo genuíno e fervor por oração, estes são aqueles que estarão segurando as cordas para que o missionário viva o livramento e os milagres necessários.

  3.  Aqueles que têm o suficiente seu sustento, e mesmo não tendo, dedicam parte de seu sustento ao campo missionário, ofertando mensalmente seu sacrifício.

Em todos os casos, uma coisa acontece, o sucesso do missionário no campo não pertence somente a ele, mas envolve todos aqueles que fizeram possível acontecer e se cumprir a chamada missionária. O galardão tão almejado será repartido igualmente para todos que se envolveram, com aqueles que foram e aqueles que tornaram possíveis através da oração e ofertas acontecer a salvação em muitos lugares excluídos da sociedade.  

POR ESSA RAZÃO QUE AFIRMO QUE SE ENVOLVER COM TODOS OS MISSIONÁRIOS DO MUNDO É UM HIPOCRESIA, É O MESMO QUE FALAR QUE ESTA AJUDANDO A TODOS OS NECESSITADOS DO MUNDO. VOCÊ NUNCA FICARÁ REALMENTE ENVOLVIDO E NUNCA SABERÁ OQUE REALMENTE ESTA ACONTECENDO EM TODOS OS CAMPOS MISSIONÁRIOS.

Convidamos você para participar de meu ministério no mundo e receberá mensalmente o boletim de oração e para aqueles que se envolvem financeiramente receberam também o relatório financeiro exclusivo.

Os planos são de acordo com sua condição, para ministérios pedimos o valor mensal mínimo de R$300,00 e pessoa física o mínimo mensal de R$50,00.

Mas pedimos encarecidamente, nos informe dos depósitos para que possamos colocar no relatório financeiro e colocar você na nossa listagem pessoal de e-mails.

Meus dados: José Eduardo Viana – Banco Bradesco Ag. 0188 (Agencia Corumbá MS)- Conta Corrente 0530670-1. Nosso telefone que fala comigo onde estiver no mundo é 11-3522-9908 ( a ligação é local para São Paulo, e a transferência é paga por mim sem problemas – receber uma ligação sua, você não imagina o prazer e alegria).

CUMPRIR NOSSO CHAMADO É MAIS QUE UMA OBRIGAÇÃO, É UM PRAZER QUE O SENHOR NOS CONCEDE DE PARTICIPAR DE SEU PLANO DE SALVAÇÃO PARA O MUNDO.

Selecione aqui ao seu lado a campanha --------->>>>>>

 

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Novo vídeo

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Testemunho pessoal do projeto

 

Ebook

Baixe meus ebooks e poderá me conhecer melhor e minha caminhada